Olá, como podemos te ajudar?
(11) 94294-2192      contato@genyomalhas.com.br                               VENDAS APENAS ACIMA DE 15 KG

Qual é o papel da mulher na indústria têxtil no Brasil?

Qual é o papel da mulher na indústria têxtil?

Nunca se discutiu tanto o empoderamento feminino quanto nos dias de hoje. Compreendemos esse momento como muito importante e crucial para alcançar uma sociedade igualitária. Por isso, no mês do Dia Internacional da Mulher, focaremos no papel da mulher na indústria têxtil no Brasil

Desde o início

A história do papel da mulher na indústria têxtil brasileira se inicia juntamente com o começo da Revolução Industrial. Nesse período, muitas mulheres foram inseridas no mercado de trabalho como simples operárias.

No século XVII surgiu a alfaiataria e, no final do século XIX, as mulheres começaram a ascender dentro da indústria têxtil: elas passaram de simples operárias a aprendizes em números cada vez maiores. No entanto, foi somente na virada do século XIX para o XX que as mulheres foram à luta contra a exploração no trabalho e, aos poucos, foram conseguindo conquistar grandes direitos. Em 1909, houve uma greve que foi considerada um verdadeiro marco: 20 mil trabalhadoras protestaram contra as condições trabalhistas na indústria têxtil — considerada a maior greve feminista da América. Os resultados foram um acordo histórico e o aumento da produção das roupas femininas.

Entretanto, foi somente no final do século XIX que elas começaram a conquistar diferentes cargos no setor. E demorou ainda mais para que elas começassem a conquistar seus direitos profissionais (direitos esses, conquistados após muita luta).

Após a década de 1950, ocorreu um aumento do consumo de itens de moda e uma valorização desse consumo. Com isso, a mulher começou a se destacar na costura e, a partir da década de 60, alguns nomes em outras áreas ganharam destaque, como a estilista Zuzu Angel e a consultora de moda, Carmen Mayrink Veiga.

A partir disso, a moda ganhou cada vez mais espaço, sendo uma das responsáveis pela consolidação do papel da mulher no setor têxtil.

Se pararmos para analisar, ainda é, pois esse é um dos setores que mais emprega mulheres, que não se resume somente à costura, como também, na criação, na coordenação, e na comercialização dos insumos e produtos finais.

O papel da mulher na indústria têxtil

A indústria têxtil brasileira representa quase 17% dos empregos no país e é a maior cadeia têxtil completa do Ocidente. A indústria têxtil é, portanto, um dos maiores setores de produção do mundo.

Mais de 75% dos cargos do setor têxtil e confecção é composto por mulheres. Essa empregabilidade formal é crucial para a conquista da independência financeira de muitas delas. Esse é um número bastante significativo e representativo da importância da mulher não apenas no setor têxtil, como também em toda a economia nacional.

Dar visibilidade a essa trajetória é muito importante, pois ainda existem fatores muito graves que precisam ser exterminados, como:

  • diferença salarial;
  • trabalho escravo;
  • abuso contra as mulheres;
  • entre outros.

Reconhecer que, mesmo com todas as dificuldades, a mulher se tornou protagonista e responsável pelo sucesso do setor têxtil brasileiro nos traz muita esperança para que esse mercado se torne cada vez mais igualitário, acolhedor e respeitoso.

Neste artigo você pode se aprofundar mais sobre o papel da mulher no setor têxtil no Brasil.


Não fique sem estoque de malhas! Entre em contato conosco e adquira os melhores tecidos para confecção agora mesmo.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">HTML</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

EnglishPortugueseSpanish