Olá, como podemos te ajudar?
(11) 94294-2192      contato@genyomalhas.com.br                               VENDAS ACIMA 5 KG POR COR

Vendas pós pandemia: internet é a solução para confecções

fazer vendas nessa pandemia com a sua confecção genyo malhas

Eis que chega uma doença que obriga os humanos do planeta inteiro a ficar dentro de suas casas. Não podemos mais passear. Não podemos mais ir à escola. Não podemos mais abrir a nossa loja. Essa situação pegou a todos de surpresa. E com isso, os empresários precisaram se adaptar e passar a vender e divulgar seus produtos e serviços pela internet.

A grande maioria das lojas de roupas e confecções são pequenas e ainda não estão online pois seus donos simplesmente não investiram nisso, seja por não saber como fazer ou por não dar a devida importância às vendas online. Outras, correram para vender online, utilizando WhatsApp, Instagram, Facebook e outras redes sociais, desde que as lojas foram proibidas de abrir as portas para os clientes. Muitas empresas também passaram a fazer entregas. E com isso viram que precisavam aprender a tirar proveito da internet. Já quem não se adaptou, teve de fechar as portas de vez.

Por que fazer vendas da sua confecção na internet?

Você sabia que o faturamento do e-commerce neste ano já cresceu 56,8%, faturando R$ 41,92 bilhões? Isso foi o efeito da pandemia, acelerando uma transformação digital que já está acontecendo no nosso país desde os anos 90, quando a internet chegou por aqui.

Estamos cada vez mais digitais, tanto consumidores quanto funcionários. Por que sua empresa não está ainda? A seguir, vamos dar dicas para você conquistar ainda mais clientes através na Internet.

Por onde começar?

Antes de tudo, se puder, tenha um site próprio. Passa mais seriedade aos clientes em potencial. Levar sua confecção para a internet é como encontrar um ponto na rua. Qual rua é mais movimentada? Onde passam mais clientes em potencial? Veja nossa página inicial da Genyo para visualizar melhor sobre isso.

Na internet, você precisa entender onde seus clientes estão. E eles estão nas redes sociais. As mais utilizadas aqui no Brasil são Facebook, Instagram, Pinterest, Youtube, WhatsApp, Linkedin, Twitter e Spotify. Você não precisa cadastrar a sua empresa em todas elas, principalmente se a pessoa quem for cuidar dessas redes for só você ou uma única. Aqui na Genyo Malhas, por exemplo, estamos em algumas dessas redes sociais. Você pode clicar para conhecer cada uma delas através dos links acima. Aproveita para seguir a gente por lá também!

Faça uma pesquisa rápida sobre quais redes sociais seus clientes utilizam. Eles comentam muito de mandar um zap? Instale o WhatsApp Business para falar com eles. Adoram tirar selfie para postar no Instagram? Talvez seja uma boa cadastrar um perfil para a sua empresa ali. Mas se você já ficou confuso com esses nomes, vamos explicar a função de cada uma dessas redes sociais.

Facebook

Essa é a rede social mais utilizada em muitos países do mundo, inclusive aqui no Brasil. Se você se cadastrar nela, faça uma página para a sua empresa, em vez de um perfil. A diferença é que perfil é para pessoas físicas, onde você precisa ser autorizado a seguir a pessoa e a pessoa precisa pedir para te seguir. Já em uma página, as pessoas te acham e te curtem. Isso faz com que elas recebam o que a empresa posta na timeline delas. Assim, o Facebook divulga melhor a sua página para clientes em potencial e seus próprios clientes encontrarão a sua confecção mais fácil. Na sua página, coloque fotos, vídeos, músicas e mensagens, além de atender os clientes que entram em contato com a sua loja por ali. Com o conteúdo que você colocar nessa página, os clientes ainda podem compartilhar sua postagem para os amigos deles e, assim, sua empresa será conhecida por mais pessoas.

Instagram

Essa é uma rede social onde o foco é a imagem. Por isso, você precisa caprichar nas fotos bonitas, nas legendas e nas hashtags (aquelas palavras que vêm depois do símbolo #). As lojas têxteis têm conseguido bons números de vendas nessa rede social. Como o Instagram e o Facebook são da mesma empresa, é possível administrar as duas plataformas em um lugar só, o que deixa tudo mais prático e rápido.

Youtube

Se você faz uns vídeos legais, seria interessante pensar em divulgar sua confecção no Youtube. Bilhões de pessoas no mundo usam essa rede social para buscar sobre tudo, desde tirar dúvidas até analisar produtos que estão pensando em comprar.

Pinterest

Muitos não conhecem essa rede social, mas ela “espalha” seus pins (como os posts são chamados por aqui) rapidamente no site dela, o que é ótimo para divulgar os produtos que você vende. No Pinterest você usa um link que quer divulgar, uma página do seu site ou um post do Instagram, por exemplo, e a rede social vai mostrar a imagem que está nele. É uma ótima estratégia para divulgar os seus produtos, pois atrai muitos visitantes para o seu site ou as suas redes sociais.

Twitter

O Twitter começou como um microblog, ou seja, um lugar onde você joga os seus pensamentos com poucas palavras. Com o passar do tempo, ele se transformou no local para saber as notícias da sua região e do mundo instantaneamente. A maioria dos jornalistas, políticos e intelectuais utilizam essa plataforma para se comunicar com o seu público e divulgar notícias oficiais. Foi aqui também que surgiram as hashtags, que já explicamos acima.

Linkedin

O Linkedin funciona parecido com o Facebook, mas funciona mais para falar de negócios ou para empresas que vendem para outras empresas, o famoso B2B. Se seus clientes são empresas, vale a pena aprender mais sobre essa plataforma.

WhatsApp

Muitos acham que sabe tudo sobre o famoso Zapzap, mas ele tem muitas outras funcionalidades que são excelentes para a sua loja. Desde 2018 o WhatsApp lançou o WhatsApp Business, que toda empresa deveria ter, inclusive a sua. Com ele você consegue criar mensagens de saudação e respostas automáticas. Isso é ótimo para não deixar o cliente esperando por uma resposta, caso você não possa atendê-lo assim que ele te escreve. Por lá também é possível criar um catálogo, colocar o site da sua empresa e mostrar um mapa com o endereço da sua confecção.

Spotify

O Spotify é um aplicativo de streaming de música que está crescendo muito no Brasil. Com ele você pode criar podcasts, que são como os programas de rádio, onde o foco dos assuntos pode ser sobre qualquer coisa. Se você gosta de ensinar seus clientes sobre os seus produtos, talvez seja interessante você criar um perfil por aqui para fazer um podcast. Muitas empresas e artistas também criam listas de músicas, as playlists, para mostrar aos fãs e seguidores sobre o que eles gostam de ouvir.

Site

Como dissemos, ter um site é de extrema importância para a sua empresa. Ela não é uma rede social, mas é nela que você terá liberdade para colocar as novidades da sua confecção e dos seus produtos, como nova coleção, promoções etc. É lá também que os clientes vão te achar pelas páginas de buscas, como Google e Bing, quando estiverem buscando o que você vende. As redes sociais têm um defeito que poucos comentam: ela não é nossa. Cada rede social é uma empresa, que pode falir ou deixar de existir a qualquer momento. Então, a vantagem do site é que ele é seu e você pode produzir material para divulgar seus produtos à vontade. Não esqueça de deixar todas as suas formas de contato por lá, como endereço, telefone, e-mail, redes sociais, além de seus produtos, claro. Você não precisa criar uma loja virtual, apesar de ser um ótimo investimento, mas pode deixar o seu site como um cartão de visitas, uma ferramenta que vai facilitar ao seu cliente a entrar em contato com você. Mas caso opte por e-commerce, certifique-se de ter os produtos sempre atualizados e entrar em contato rapidamente quando seus clientes entrarem em contato com você. Caso você não queira investir em uma loja virtual, pode utilizar os sites que trabalham com isso e por ali cadastrar seus produtos e realizar as vendas. Os mais conhecidos são o Mercado Livre e o Elo 7. Este último só permite que você venda produtos criados por você, como roupas personalizadas. Mas, a desvantagem desse tipo de serviço é o mesmo que das redes sociais: são empresas que podem acabar a qualquer momento e aí, você vai precisar ter todo aquele trabalho para migrar para outra plataforma que ofereça esse serviço.

O que fazer nas redes sociais?

A seguir, veja algumas dicas para fazer a transformação digital no seu negócio que vão facilitar a sua vida e te trazer mais lucro.

Divulgação do seu negócio

Agora que você cadastrou a sua loja nas redes sociais, tente postar sempre conteúdos que seus seguidores possam se interessar. Seja dicas sobre como cuidar das roupas que você vende ou até entrada de coleção, bota fora e outras novidades.

Atendimento

Tente responder aos visitantes e curiosos o mais rápido possível. Muitas redes sociais mostram o tempo que a empresa demora para responder e, se demorar muito, seu cliente vai perder o interesse em falar com a sua empresa e vai buscar o concorrente. Se possível, coloque o seu horário de atendimento. Assim seu cliente saberá a hora de entrar em contato ou saber quando será respondido. Os canais de atendimento são ótimos para fechar ótimas vendas, deixar clientes satisfeitos e ganhar avaliações positivas.

Estude mais sobre redes sociais e vendas online

Se você não entende muito sobre marketing digital, procure conteúdo desse segmento. Você pode encontrar pelo Google, no Youtube e nas próprias redes sociais. Para saber mais, indicamos os perfis da Ana Tex e do Dicas Digitais, que dão ótimas dicas de como fazer postagens atraentes no Instagram. Para o Facebook, a página da Camila Porto vai te dar muitas ideias para sua página ter sucesso nessa plataforma. Não se esqueça de entrar no site do Sebrae. Por ali você pode ler pequenos livros que te ensinam como ser eficiente na internet.

Reputação Online

Sabia que sua empresa é pontuada na internet? Os clientes que entram em contato com você têm a possibilidade de pontuar sua loja. São as famosas estrelas. O Google, o Facebook e muitos outros sites fazem esse sistema de pontuação. Quanto maior sua pontuação no Google e em outros sites, maior reputação sua loja adquire. Isso dá a possibilidade de duas coisas: é mais fácil de aparecer nos resultados de busca para quem está procurando o que você, dando ao consumidor o veredito de que a sua empresa é confiável para comprar. Esta última, claro, se tiver mais estrelas que o concorrente, que também vai aparecer nas buscas, próximo ao nome da sua loja. Por isso, sempre ofereça um bom atendimento, praticidade ao cliente e entrega rápida (se sua empresa oferecer esta opção) para manter sua pontuação sempre alta.

 

Todas essas dicas são apenas o básico para a sua confecção de roupas começar a fazer vendas pela internet. Mas com elas, você já consegue introduzir a sua empresa no mundo digital e estar, com certeza, acima de muitos concorrentes que ainda não estão preparados para ocupar o espaço online.

Aqui na Genyo já estamos preparados para te atender online também, além de mostrar todos os nossos produtos e o nosso blog, com muitas dicas e novidades para o mundo da confecção. Você pode entrar em contato conosco por aqui ou pelo botão abaixo com o símbolo do WhatsApp.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">HTML</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

EnglishPortugueseSpanish